Heitor Villa-Lobos : obra completa para violão solo


Villa-Lobos, o maior compositor brasileiro de todos os tempos, foi o primeiro a compor para violão um repertório brasileiro de concerto. Sua obra é tocada por violonistas de todo o mundo.

Como vencedor do III Concurso Internacional de Violão do Festival Villa-Lobos, Paulo Porto Alegre tornou-se uma autoridade em sua obra. Executa também toda a música de câmara e o Concerto para violão e pequena orquestra.


Radamés Gnattali: obra completa para violão solo e toda música de câmara


Transitando entre o popular e o erudito, Radamés Gnatalli sempre conviveu com os violonistas. Garoto, Laurindo de Almeida, José Menezes, Turíbio Santos, Raphael Rabello, duo Assad e o próprio Paulo Porto Alegre foram alguns deles.

Paulo foi muito próximo ao compositor durante vários anos e pode estudar pessoalmente toda a sua música para violão com o maestro.


Paulo Porto Alegre: música para violão solo


Premiado com a Première Mention do Concours International de Composition de l’ORTF (Paris)  em 1.986, Paulo estudou com Sérgio Vasconcellos Correa, H.Joachim Koellreuter e teve orientação informal de Radamés Gnattali durante anos.

Sua obra consta de 3 Sonatas, 12 Estudos Populares, 24 Estudos Modais, Suite Brasileira e inúmeras peças solo e de câmara. Muitas de suas obras já foram executadas e gravadas por renomados intérpretes no Brasil, Europa e Estados Unidos.


O Violão Popular Brasileiro - sua história, seus intérpretes


O violão no Brasil tem uma longa história desde os primeiros chorões até os atuais intérpretes.

Nomes como: Dilermando Reis, Garoto, João Pernambuco, Baden Powell, Paulinho Nogueira, Marco Pereira, Paulo Bellinati e o próprio Paulo Porto Alegre, são presença constante nos programas de violonistas do mundo inteiro, que reconhecem o valor do violão brasileiro.


O Jazz e o Violão


Não só da guitarra vive o jazz. Inúmeros violonistas dedicaram o seu talento ao estilo jazzístico de toda espécie.

Nomes como Ralph Towner, Pat Metheny, Frederic Hand e Mattew Dunne deixaram páginas maravilhosas para o seu instrumento, o violão.

Incluindo também arranjos de Paulo Porto Alegre de G.Gershwin, Cole Porter e Jerome Kern, este é um programa que sempre faz sucesso pelo seu refinamento.


Beatles e o Violão


Tendo vivenciado intensamente a época em que os Beatles começaram a fazer sucesso, Paulo Porto Alegre elaborou quase duas dezenas de arranjos de canções de diversas épocas do grupo, combinando o conhecimento do rock, do jazz e da música brasileira, num tratamento quase erudito para violão.


O Violão na Rádio Nacional


Com o surgimento, em 1.936, da Rádio Nacional no Rio de Janeiro, Radamés Gnattali, então arranjador, compositor e pianista da Rádio, convidou vários violonistas como: Garoto, Laurindo de Almeida, Waltel Branco, José Menezes, Dilermando Reis, para fazerem parte do cast.

Este programa mostra a troca de influências musicais entre Radamés e estes violonistas num momento não só importante para a música popular brasileira, como também para o violão moderno no Brasil.



Todos estes projetos foram concebidos como concerto-aula, podendo ser realizados neste formato, ou só como recital e/ou combinados entre si.

Text

Copyright© 2012-2017 Paulo Porto Alegre

 

paulo porto alegre  violonista - compositor

bioBiografia.html
discografiadiscografia.html
contato & linkscontato_%26_links.html
homehome.html
composiçõescomposicoes.html

repertório

vídeosvideos.html
críticascriticas.html
galeriaGaleria/Galeria.html